Despida em tons Rosa

quinta-feira, dezembro 19, 2013


A paleta de sombras mais famosa do Mundo lançou mais uma edição, uma nova irmã para se juntar à família já de si com 2 irmãs e uma prima.


 


A História Naked


 


São elas as Naked da Urban Decay. A primeira Naked foi um sucesso internacional tão estrondoso que rapidamente outras marcas começaram a fazer paletas inspiradas, ou mesmo quase iguais a ela. De repente, os tons neutros estavam na moda e toda a mulher desejava a paleta, tanto a fã de grandes e glamourosos smoky-eyes, como a fã apenas de uma cor suave na pálpebra simples e despercebida. No fundo é essa a magia da Naked: ser versátil e agradar tanto a  Gregos como Troianos. A Naked veio trazer o “neutro” de volta à moda e à maquilhagem e toda a gente se apaixonou.


 


Em pouco tempo foi lançada a Naked 2, uma sucessora com tons mais frios e neutros, ao contrário da primeira que tinha tons mais quentes e bronzes. Fez sucesso tal como a sua primogénita e houve até quem desistisse da ideia de comprar a primeira, optando pela segunda. No entanto, foi também um pouco mais “mal-amada”, já que os tons neutros já não eram novidade e havia muita discordância entre qual a “melhor”.



Tenho a Naked 1 e senti necessidade de comprar a 2. Afinal não são iguais, nem parecidas sequer… simplesmente são diferentes e para mim completam-se – o que falta numa, a outra tem. Há quem prefira tons mais quentes ou mais frios, mas isso já será uma questão de gosto pessoal.


 


O mesmo aconteceu com a Naked 3, uma novidade fresca. Começámos a ouvir falar nela há um mês, ou menos, e há poucos dias foi posta à venda por cá. Desta vez os tons viraram-se quase exclusivamente para os rosas,  o que pode não agradar a tudo e todos. Nem toda a gente gosta destes tons, é verdade, e pela primeira vez a Naked fugiu para um tom especifico, mas na verdade continua com o seu look “neutro” – são rosas muito bem equilibrados, suaves, neutros e acastanhados.


 


Para mim, como fã incondicional de cor-de-rosa, obviamente foi amor à primeira vista! Não completa as Nakeds anteriores, não acho, porque a pólvora já está inventada e isto é apenas fogo de artifício para alegrar a nossa vista. É mais um produto de desejo, não é fulcral numa maquilhagem, mas que é bonita é, e estas cores quando misturadas com algumas das outras Nakeds vão resultar em coisas bem giras.



 




 



 



 





 


Embalagem


 


De plástico resistente, fecho de trinco, espelho no interior, pincel incluído.


A embalagem é muito semelhante à da Naked 2 em termos de formato, material, tudo; só muda a cor e o relevo no topo. Para mim é a melhor embalagem, mais resistente e bonita que o cartão e veludo da  Naked 1.


 


Produto


 


Como costume tem 12 sombras diferentes, cada uma com 1,3g, que variam entre os acabamentos matte, shimmer e satin.


 


Strange (rosa/branco pálido matte-satin)


Dust (rosa claro shimmer com glitter)


Burnout (rosa/pêssego satin),


Limit (rosa seco velho matte)


Buzz (rosa seco velho shimmer com glitter)


Trick (rosa bronze shimmer com micro brilhos)


Nooner (rosa mauve acastanhado matte)


Liar (rosa mauve metallic)


Factory (castanho rosado satin),


Mugshot (taupe rosa shimmer)


Darkside (taupe mauve escuro satin)


Blackheart (preto matte com micro brilhos rosa)


 


 


Extras


 


Traz  como oferta um pack com amostras de todos os Primer Potion, pelo que  temos assim oportunidade de os experimentar todos e futuramente comprar o que mais gostarmos. Nas edições anteriores a oferta era um mini gloss e um mini primer:  por um lado era mais “fofo”, mas por outro este pack dá-nos oportunidade de testar todos os primers e decidir qual o mais indicado para nós.


 


*No geral as sombras não desiludem, a qualidade UD está presente, são macias e pigmentadas. Contudo, achei que a sombra Dust é muito poeirenta, desfaz-se toda, e que a sombra Trick tem muito pouca pigmentação. Já todas as restantes portaram-se muito bem.




 






 



 




Com FLASH

(atenção as cores estão alteradas devivo à luz "fria" do flash)




Luz Natural

(o mais real possível)








 



 Exemplo de um Smoky simples e rápido


(cores utilizadas, Limit em toda a palpebra móvel, Nooner na parte externa da pálpebra, Darkside junto às pestanas, Strange na parte superior e canto interno, optei principalmente pelas sombras matte, para dar um ar mais suave e para o dia-a-dia.)



 



 



 




 



 


Conclusão?


 


É  minha coqueluche actual, gosto imenso dela e não me arrependo nadinha. Aliás nem a comprei, foi prenda do namorado, o sacana sabia que eu a queria muito e foi logo a correr comprar!



Para quem acha que este é um preço absurdo por um simples produto, vejam o seguinte: são 12 sombras com 1.3g de excelente qualidade, o que fica a cerca de 3€ cada, nada de mais. As sombras Catrice custam o mesmo e trata-se uma marca “lowcost” cuja qualidade não é nem de perto similar… Por isso, não é assim tão caro e se aproveitarem os habituais 10 ou 20% de desconto na perfumaria ainda fica mais em conta.


 


 


Vou só dar um palpite, cheira-me que ainda virá a Naked 4, mas desta vez em tons "pêssego", quem aposta?


 


 


 


Preço?


Cerca de 46€


Onde encontrar?


Em Portugal exclusivo lojas Sephora


Online?


Com portes grátis Aqui



 



Posts Relacionados

0 COMENTÁRIOS