Natural e Intemporal

terça-feira, junho 24, 2014



Chanel, Chanel, é aquela marca que faz qualquer rapariga suspirar um pouco, primeiro por ser a marca da grande senhora Gabrielle Bonheur Chanel, que revolucionou a Moda feminina por completo,  fazendo a transição de uma Era em termos de moda,  as mentalidades também estavam a mudar, o novo mundo tinha chegado, e a mulher tinha uma maior importância na sociedade, mas também queria ser livre e independente, esse é o espírito da Chanel.

Bem, modas à parte agora,  sou fã da linha de maquilhagem Chanel, o look clássico, básico e intemporal das embalagens, a qualidade (na sua maioria dos produtos, mas nem todos), o próprio prazer de ter um produto de uma marca de alta costura, (quem não gosta?) então na altura de dar presentes o namorado sabe que ali dificilmente irá falhar, é alegria quase garantida!

Hoje venho-vos falar de alguns produtos que tenho usado ultimamente e que gosto muito mesmo!


Base
Perfection Lumière Velvet
20 Beige 
30ml

É recente, lançada em Março passado, veio pelas mãos do boy no meu aniversário em Abril.
É uma base leve e fluida de longa duração com acabamento mate aveludado, ideal para peles oleosas e mistas diz a marca, mas eu tenho algumas reticencias.

Bem,  realmente tem uma fórmula fantástica, é um prazer aplicar a base de tão macia e deslizante é, não é aquela pasta/creme ou aguada, é ali um meio termo, quase parece gelado a derreter, se é que me entendem esse “estado físico”, tem uma cobertura leve/média, não acho que dê para trabalhar muito, ela tapa bem por si só pequenos defeitos e vermelhões, mas não faz milagres em casos graves mesmo que seja aplicada outra camada.

Ela seca em instantes, transformando-se num acabamento pó aveludado ao toque, com um bom desfoque (blur) na pele é verdade, mas sem deixar aquela “camada” sobre a pele, ela funde-se com a pele por completo, é uma base que não se nota que está a usar!

Mas como nem tudo é perfeito, a sua duração desiludiu-me, ela parece que não “seca” por completo, ao passarmos um dedo, ela vem literalmente toda no dedo, e ao longo do dia desvanece quase por completo,  chegando ao ponto de ir limpar a pele com um disco de algodão e ele não trazer nem um quarto do produto que apliquei. Mas raios-ta-partam se eu não consigo dar a volta a isto, tinha de dar, ainda por cima a cor não é bem bem a minha natural de Inverno apesar de ser o tom mais claro vendido em Portugal, continua a ser mais escuro do que eu sou naturalmente, por isso tinha de apostar nela forte e feio neste Verão, foi ai que entraram primers, pós e sprays a teste, e foi encontrada solução! Com primer por baixo a base aguenta o dia inteirinho e dificilmente sai ao toque, o primer que era algo que eu nem sempre usava, passou agora a ser indispensável no ritual.




Blush
Le Blush Crème
63 Révélation
2,5g
Os primeiros Blushes em creme da Chanel, lançados também não há muito tempo, em seis cores diferentes, foi-me dado mais uma vez pelas mãos do boy em conjunto com o pó Les Beiges no Verão passado.
São numa textura tipo “mousse” que se funde com a pele, tornando-se translúcido e luminoso,  com toque aveludado em perfeita harmonia com a pele com uma pigmentação QB, nem de mais, nem de menos!
A sua cor é a mais natural dos seis tons, uma mistura de rosa e pêssego, que se transforma num tom perfeito de pele ligeiramente corada, não tem quaisquer brilhos e dura um dia inteirinho na pele, com ou sem primer, bases e afins.
Consegue-se facilmente aplicar com as pontas dos dedos e esbater sem deixar marcas ou produto mal espalhado, fica bastante uniforme, até prefiro assim do que com o pincel duo fibre que normalmente uso para blushes em creme.
É realmente excelente, mas é muito pequenito, só tem 2,5g e para o seu preço, upa upa, os da Bourjois acho que compensam mais, a formula é bastante parecida por metade do preço.

Les Beiges
Nº10
12g
Uma edição  do ano passado também de pós finalizantes conhecida por Les Beiges, tons naturais para acabamentos naturais e uma pele perfeita e luminosa, quem não viu as imagens do lançamento com a linda Gilese Bundchen com um ar mega simples e bonito?

Bem, continuando, não é um pó qualquer, é  um pó iluminador semi-transparente, ele não tem uma cobertura normal de um pó compacto nem o acabamento, ele tem um bocadinho de iluminador à mistura, quase imperceptível a olho nu, mas em contra-luz natural ou artificial conseguimos notar um
“glow” subtil mas presente, um reflexo  muito natural, no nosso próprio tom de pele.
O pó em si é super fino e sedoso e nada poeirento, não tem quase cobertura, apenas dá uma pequena “uniformidade” na pele conferindo um aspecto mais matificado e ao mesmo tempo iluminado sem deixar  brilhante.

Ideal para finalizar a base  ou até mesmo para usar sozinho em dias que não me apetece pôr nada porque sinto-me bem com a minha pele despida de bases e bb’s. 


Máscara
Inimitable
Nº10
6g
Depois de receber uma amostra desta máscara quando comprei um batom Chanel, que diga-se de passagem, amostras de máscaras é coisa cada vez mais rara nos dias que correm) fiquei fã, adorei o efeito multi-usos desta máscara. 

É a máscara tudo-e-um da Chanel, dá volume, comprimento e curvatura, ora, quem não quer tudo isso? Dá imenso volume e comprimento ás minhas pestanas, curvatura já não noto tanto porque elas até são boazinhas e flexíveis e normalmente curvam bem com qualquer máscara decente.

Não as separa na totalidade fazendo aquele efeito “mil e uma pestanas” mas faz grupinhos de duas ou três que confere um volume imenso e abre muito o olhar, ao mesmo tempo que as alonga imenso, parecem ganhar o dobro do tamanho.

Seca bastante rápido, evitando assim aqueles borrões tardios nas pálpebras, e não precisa mais que uma camada senão fica empapada de mais!




Preços? Onde encontrar?
Base cerca de 38€
Blush cerca de 34€
Pó cerca de 45€
Máscara cerca de 29€
Tudo nas grandes Perfumarias

Posts Relacionados

0 COMENTÁRIOS